JVH do HiFiClube testou os dois novos iFi ZEN de uma só vez

iFi ZEN

“iFi ZEN DAC / ZEN Blue Streamer – o tesde de JVH!”

“(…) Para atingir o Nirvana digital (DSD256, PCM/DXD384 BitPerfect, Roon e MQA) já não precisa de hipotecar a casa. O DAC/Preamp iFI ZEN faz isto tudo por apenas 148,99 euros, e ainda lhe oferece um amplificador para todo o tipo de auscultadores: desde os de ‘meter no ouvido’ aos planarmagnéticos circumauriculares. (…)

O ZEN cumpre tudo aquilo que promete: reproduz DSD até 256, PCM/DXD até 384 e MQA, acendendo-se o led da cor respectiva na base do suave potenciómetro de volume central (…)

A primeira (boa) surpresa é que a Roon reconhece e trabalha com o iFI ZEN, embora isso não seja referido em lado nenhum (…)

Por menos de 150 euros, é difícil de bater. (…)

Alberto Silva da Smartaudio/SmartStores enviou-me na mesma encomenda um outro modelo ZEN: trata-se do Streamer DAC Blue, com o mesmo design e preço acessível (€148,99) mas com função diferente, ideal para quem dispensa o amplificador de auscultadores, e prefere ter um streamer independente do computador, com DAC integrado para poder ligar a um sistema externo composto por prévio/amp+colunas, ou um par de colunas activo com controlo de volume. (…)

Para quem se queixa de que no Hificlube só se escreve sobre ‘impossible dreams’, este é o vosso momento Zen (…)”

 

Leia o Artigo Completo no HIFICLUBE


11 de Fevereiro de 2020

Posted in iFi

Revista Audio testa o novo amplificador de auscultadores iFi xCAN

iFi xCAN Teste Revista Audio

“iFi Audio xCAN, a qualidade que vai no seu bolso”

“Baseado no multipremiado iDSD, embora com o foco no módulo de amplificação para auscultadores, o xCan procura oferecer as vantagens da portabilidade sem comprometer a qualidade e a potência necessárias à realização do potencial dos bons leitores de áudio digital (DAP) e dos auscultadores de gama alta. Para tal, está equipado com um conjunto de tecnologias que lhe permitem destacar-se da mediania de modo a oferecer ao utilizador uma experiência sensorial singular. (…)

O sistema é alimentado por uma bateria recarregável via ficha USB-C que assegura uma operação entre 12 e 18 horas conforme a utilização é feita com o Bluetooth como entrada ou em funcionamento apenas como amplificador analógico. (…)

No xCan, o Bluetooth, quer Aptx quer AAC, é usado apenas como meio de transporte de dados no domínio digital. O sinal digital é depois entregue a um DAC ESS Sabre que assegura a conversão D/A e a entrega do sinal analógico ao amplificador. (…)

A secção de amplificação do xCan debita um máximo de 1000 mW (…) desde 32 Ohm até 600 Ohm. (…)

A música flui com uma naturalidade desarmante, tal a notória ausência de esforço na reprodução musical. Como consequência, o xCan conseguiu prestações dinâmicas impressionantes, capazes de nos proporcionar momentos musicais de verdadeiro gozo.”.

 

Leia o Artigo Completo publicado pela AUDIO & Cinema em Casa de Mar/Abr 2019

1 de Março de 2019

Posted in iFi

HIFICLUBE testa iFi Pro iDSD… “o CR7 do DSD”

“iFi Audio did it again!”

(…) O Pro iDSD é o casamento entre um amplificador de auscultadores híbrido (transístores/válvulas) e um DAC, a que se juntou um streamer. Digamos que é um iCAN Pro com um enorme coração digital. Tudo por apenas €2.750… (…)

(…) As especificações digitais são assombrosas a este nível de preço. E não me refiro apenas ao facto de reproduzir ficheiros DSD1024 nativos a 49.152Mhz! Até porque eles não existem no mercado. Talvez porque ocupam demasiado espaço. Será resolução a mais? Seja o leitor o juiz. (…)

(…) só a função de DAC já justifica substancialmente o preço: utiliza 8 DACs (quad-core) da Burr Brown e um circuito Crysopeia FPGA exclusivamente para a filtragem digital e a remasterização PCM-DSD. (…)

(…) E o que nos dá ele a mais, além das especificações assombrosas do DAC e do amplificador híbrido?
A função de Streamer, que hoje já ninguém dispensa. Ligue-o ao seu NAS (Network Attached Storage), à rede por meio de cabo CAT5, ou via Wi-Fi com a antena fornecida, instale a App MUZO Player (descarregamento grátis na Apple Store) e tem acesso imediato às suas subscrições da Spotify, Tidal, Napster, QQ Music e Qobuz. (…)

(…) O preço a pagar é baixo face à imensidão de ‘propostas’ do menu. (…)”

 

Leia o Artigo Completo no HIFICLUBE


20 de Julho de 2018

Posted in iFi

Revista Áudio testa iFi nano iONE

 

“Pequenino mas pronto para todo o serviço”

Na edição de Nov/Dez 2017 da revista Audio & Cinema em Casa, foi testado o novo iOne nano da iFi Audio e o veredicto apresentado pinta uma imagem de um produto versátil e recomendado a qualquer audiófilo interessado num DAC portátil.

“(…) O iOne é um dos últimos elementos da linha nano, e é um pequeno DAC com entradas USB e coaxial e que incorpora também um receptor para Bluetooth, o que o torna muito conveniente para ser utilizado em conjunto com um computador portátil, muito em especial para utilização em situações de nomadismo, como dizem os franceses. (…)

Na parte traseira não cabe nem uma agulha: três fichas RCA, duas para a saída do sinal analógico, com uma impedância de saída menor que 50 Ohm, e outra para a entrada do digital, mais uma ficha USB do tipo B 3.0, através da qual o iOne é alimentado, ocupam praticamente todo o espaço disponível. (…)”

No interior, um pequeno circuito impresso aloja praticamente todos os componentes, o mais importante dos quais é o conversor D/A DSD1793, da Burr-Brown, um dos poucos chips da marca ainda fabricados no Japão, e que aceita quase tudo o que é ficheiro digital com resoluções que podem ir desde a de CD até 384 kHz (DXD) ou ainda DSD até 4 vezes a frequência base. (…)

Mais que recomendado, principalmente para ser combinado com um computador portátil e um software de leitura, o qual até pode ser o Foobar, muito versátil e completo e, acima de tudo, gratuito.

 

Leia o Artigo Completo publicado pela AUDIO & Cinema em Casa de Nov/Dez 2017

3 de Novembro de 2017

Posted in iFi

HiFiCLUBE analisa micro iDSD Black Label

“Terá o mesmo efeito que no uísque?”

O micro iDSD Black Label da iFi é testado pelo HiFiClube e é elogiado pelas suas especificações sem rival, mesmo após três anos do seu lançamento.

“Será que a ‘Black Label’ tem no áudio o mesmo efeito que no uísque? (…)

Ora, mesmo sabendo-se que, no domínio do digital, três anos é uma eternidade, em termos de evolução tecnológica, a verdade é que, com excepção do MQA, que continua envolto em muita polémica, o iFi iDSD ainda não foi ultrapassado nas suas especificações. (…)

Além de DAC, o iDSD pode ainda ser utilizado como prévio, atacando directamente um amplificador ou colunas activas; e como amplificador de auscultadores (…)

E não só rock. Jazz, Blues, pop, clássica. O iDSD BL reproduz tudo em todos os formatos com a classe dos grandes DACs por uma fracção do preço. Só por isso já merece a recomendação do Hificlube. (…)”

 

Leia o Artigo Completo no HIFICLUBE


22 de Maio de 2017

Posted in iFi

iFi iPhono2… “Só o silêncio é mais tranquilo”

A Edição Janeiro/Fevereiro 2017 da AUDIO & Cinema em Casa contêm um artigo sobre o novo iFi iPhono2. Poderá ler abaixo excertos deste artigo.

“(…) O iPhono 2 tem como seu antecessor o iPhono 1, pelo que a pergunta lógica será: em que é que ele é melhor que o iPhono 1? (…)
o ganho é bastante superior (…) a gama dinâmica, (…) atinge o impressionante valor de 106 dB e a precisão da curva de correcção RIAA é de 0,2 dB. (…)

A relação sinal/ruído, outro factor bem importante, é bem melhor do que numa boa parte dos bons prévios de phono existentes no mercado: 85 dB na entrada MC. (…)

O iPhono 2 foi inserido no meu sistema, substituindo o prévio de phono por mim construído há uns anos e que tão bons serviços tem prestado. (…)

E nada melhor que começar com uma bela peça de guitarra, (…) – Allan Taylor – Los Compañeros. Foi um excelente começo, mas antes de mais devo salientar que a iFi Audio tem toda a razão ao realçar o excelente valor de relação sinal/ruído do iPhono 2: colocado no sistema, praticamente não se consegue ouvir o mínimo sopro mesmo com o volume perto do máximo. Este é seguramente o prévio de phono mais silencioso com que já convivi. (…)

Tem uma correcção tímbrica assinalável, um ganho que chega para qualquer tipo de cabeça, ajustes versáteis de resistência e capacidade, bem como curvas de igualização ao gosto de todos, (…)”

 

Leia o Artigo Completo publicado pela AUDIO & Cinema em Casa de Jan/Fev 2017

6 de Abril de 2017

Posted in iFi

Pro iCan… cumpre as expetativas Pro

iFi iCan Pro

“(…) Conseguirá este pré amplificador de linha/amplificador de auscultadores da iFi corresponder às expetativas do PRO no seu nome? De acordo com José Victor Henriques, sim, pode. (…)

(…) Podem bem dizer que os números não são tudo, e eu concordei até ouvir gravações DSD256 em formato nativo. Gostei tanto que comprei um para uso pessoal (…)

(…) Embora pequeno, o Pro iCan é surpreendentemente grande para o seu tamanho. (…)

(…) Ouvir ficheiros de música em Alta Resolução a partir de auscultadores é uma nova moda, e a iFi Audio disponibiliza todas as ferramentas para tirar o melhor partido desta situação, sem tirar o que de melhor tem a sua conta bancária.”

 

Leia o Artigo Completo publicado pela HiFiCritic Jul/Ago/Set de 2016

16 de Janeiro de 2017

Posted in iFi

iPhono 2 … muito mudou por baixo da sua “pele”

“(…) Com o iPhono2 definido para ganho MM, RIAA standard, (…) o iPhono2 deu uma boa imagem de si mesmo logo nos primeiros compassos da música. Não á dúvida que se trata de um passo acima da maioria dos andares de phono a este preço. Dá uma sensação de “crescido” e um sentido de pureza no seu desempenho que o distancia de alguns agradáveis mas algo ásperos competidores. Juntamente com o seu sentido de maturidade veio uma profundidade e largura de palco surpreendentes. (…)

(…) Dá-nos um sentido de atmosfera refinado, enquanto mantém tudo bem arrumado no espaço. (…)

(…) O novo iPhono2 da iFi tem um conjunto abrangente de opções de ganho e carga e um ataque bem acima do seu peso em ambas construção e desempenho. As curvas de EQ variáveis diriam que o iPhono2 será perfeito para um segundo gira-discos conseguindo o melhor de uma coleção de gravações antigas. No entanto, a sua excelente qualidade sonora assegura que vale bem a pena considera-lo uma soberba melhoria de valor a um sistema principal. (…)

Leia o Artigo Completo publicado na Hi-Fi News | setembro 2016

29 de Agosto de 2016

 
Posted in iFi

iFi com dois Produtos do Ano AUDIO & Cinema em Casa

A marca iFi Audio teve este ano dois produtos considerados “Produto do Ano” da Revista AUDIO & Cinema em Casa.

O Conversor digital/analógico iFi Audio Micro iDSD, Testado na Audio n.º 253 – Julho/Agosto de 2015
(…) Por um preço que é uma agradável surpresa que mais se pode pedir? (…)

Sistema de áudio compacto iFi Retro Stereo 50, Testado na Audio n.º 254 – Setembro/Outubro de 2015
(…) o Retro é equipamento muito versátil e, a este nível de preços, do melhor que já ouvi. A reprodução em DSD é excelente, a qualidade das saídas para auscultadores é igualmente acima de qualquer suspeita. E o design faz-nos ter saudades do futuro… (…)

Leia o Artigo Completo na Revista Áudio e Cinema em Casa Nº. 256 | Jan/Fev 2016

3 de Março de 2016

Posted in iFi